5 de agosto de 2010 walacy

BRQ vai buscar aquisições para viabilizar IPO

Inside Online – 5/08/2010

Com o propósito de ganhar musculatura para realizar a abertura de capital (IPO) dentro de quatro anos, a BRQ IT Sevices, fornecedora brasileira de serviços de TI, manterá a estratégia de crescer por meio de aquisições. Até o fim deste ano, a empresa espera comprar uma ou até duas empresas.

Sem divulgar quanto pretende investir no processo de consolidação, o presidente da BRQ, Benjamin Quadros, afirmou que a meta é adquirir empresas que, além de incrementar a carteira de clientes, tragam ofertas de serviços complementares ao portfólio da companhia.

Considerando somente o crescimento orgânico, a BRQ planeja fechar este ano com faturamento de R$ 230 milhões, o que representará um aumento de 15% ante os R$ 200 milhões obtidos em 2009. O executivo ressalta, entretanto, que caso sejam confirmadas a compra de empresas, a BRQ pode atingir faturamento de cerca de R$ 300 milhões neste ano. Além do montante aplicado nas aquisições, a BRQ investirá quase R$ 7 milhões, sendo R$ 6 milhões em hardware, software e serviços, e mais R$ 750 mil em capacitação.

Quadros diz que para conseguir iniciar o processo de abertura de capital, uma companhia precisa deter faturamento de cerca de R$ 1 bilhão. Por esse motivo, o executivo afirma que a BRQ manterá a estratégia de crescimento inorgânico. “Esse será um processo contínuo. É necessário para termos condições de realizarmos a abertura de capital e somado ao crescimento orgânico, acredito que em quatro anos teremos porte suficiente para atingirmos tal objetivo”, salienta.

Entretanto, o executivo revelou que acompanha vai olhar com bastante atenção a possibilidade da Bolsa de Valores de São Paulo criar condições especiais para permitir a abertura de capital por pequenas e médias empresas. Trata-se do Bovespa Mais, segmento de listagem do mercado de balcão organizado administrado BM&F Bovespa e idealizado para tornar o mercado acionário brasileiro acessível a um número maior de empresas, em especial, àquelas particularmente atrativas aos investidores que buscam investimentos no médio e longo prazo e cuja preocupação com o retorno potencial sobrepõe-se à necessidade de liquidez imediata.

Segundo a Bovespa, as empresas candidatas ao Bovespa Mais são aquelas que intencionam ingressar no mercado de capitais de forma gradativa, destacando-se as de pequeno e médio portes, que buscam crescer utilizando o mercado acionário como importante fonte de recursos. “Esta será uma oportunidade bastante atrativa para a BRQ”, resume Quadros.

Etiquetado como:

Autor do Post

walacy Publicitário, Profissional de Marketing especialista em Digital. Formações em Design Gráfico e em Artes Gráficas. Trabalha aliando design para web com o tripé do marketing digital (SEO, SEM e Inboud Marketing).

Entre em contato conosco!

Conheça todas as nossas unidades!